Notícias

06/12/2018 - 10:01

Nota de Pesar – Willivane Melo

O Conselho Federal de Psicologia lamenta o falecimento da psicóloga Willivane Melo

Nota de pesar

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) lamenta o falecimento da psicóloga Willivane Melo e compartilha nota do Conselho Regional de Psicologia do Pará/Amapá (CRP – 10ª Região).
Leia abaixo:

O Conselho Regional de Psicologia 10ª Região PA/AP informa com profundo pesar o falecimento da Psicóloga, Psicanalista, militante negra, Willivane Melo, natural de imperatriz-MA e paraense de coração. Aos amigos e familiares o CRP 10 expressa solidariedade e condolências por essa perda.

Willivane Ferreira Melo, formada em Psicologia pela UFPA (1999) e Mestre em Psicologia Social e Clínica pelo PPGP /UFPA(2013). Construiu sua militância na Psicologia desde 2004, participando ativamente do Sistema Conselhos de Psicologia.

Foi Conselheira do Conselho Regional de Psicologia 10a Região (PA/AP) por duas gestões (2010/2013 e 2013/2016). Nesta autarquia idealizou e contribuiu para a criação da Comissão de Psicologia e Relações Raciais, na Presidencia desta comissão realizou o I Encontro de Psicologia e Relações Raciais do Pará em 2013, marco histórico da Psicologia paraense.

Colaborou ativamente para a criação da ANPSINEP –
Articulação Nacional de Psicólogas(os)Negras(os) e Pesquisadoras(es) sendo representante da Região Norte.

Esteve representado o CRP10 e a Comissão de Psicologia e Relações Raciais na I Marcha Nacional de Mulheres Negras em 2015.

Em sua prática profissional foi incansável no combate ao racismo, fazendo de todos os espaços de atuação um movimento de enfrentamento. Foi Professora da UEPA (Campus Santarém) e Psicóloga Clínica em Belém e Santarém.

Tinha muito orgulho e alegria de ser mulher negra, psicanalista, psicóloga, militante de Direitos Humanos, amiga, Esposa apaixonada e companheira de todos e todas.
Muito respeitada na esfera acadêmica e entre os muitos movimentos sociais em que era atuante.

Deixa como legado sua coerência, numa escuta clínica e antirracista, repleta de princípios humanistas de solidariedade e muito respeito à dignidade humana.